Início » Aventura » Cuidados Pessoais » Melhores Talabartes

Melhores Talabartes

Para realizar qualquer atividade em altura, é muito importante utilizar corretamente os equipamentos de proteção necessários. Os talabartes também estão entre esses equipamentos indispensáveis.

Qualquer altura superior a 2 metros exige o uso destes equipamentos. Além de garantir a segurança e a integridade física do usuário, eles também vão minimizar os riscos de queda.

O talabarte é um desses EPI’s. Ele faz a conexão entre o cinto de segurança e um ponto de ancoragem, dessa forma é garantida a conexão e o usuário fica seguro para realizar suas atividades evitando possíveis quedas.

Com o talabarte ajustado de maneira correta a altura da queda fica restringida, dessa forma, em caso de acidentes as chances de que a pessoa sofra uma colisão contra a estrutura são bem menores.

Melhores Talabartes de 2022

Petzl Tabalarte de PosicionamentoPetzl GrillonMelhor TalabarteR$ 962,04 na Amazon
Delta Plus TalabarteDelta Plus Talabarte em YMelhor Talabarte com Absorvedor de EnergiaR$ 273,49 na Amazon
Proteloja TalabarteProteloja Talabarte Y com ABSMelhor Talabarte Duplo com Absorvedor de EnergiaR$ 199,90 na Amazon
Petzl Talabarte SimplesPetzl Jane MGOMelhor Talabarte para Estruturas LargasR$ 276,65 na Amazon

Tipos de Talabartes

Eles se dividem em três categorias e cada uma delas oferece níveis de segurança distintos, sendo elas: simples, duplos e de posicionamento.

Também vamos explicar quais são as principais características de cada uma delas para que você entenda melhor e não tenha dúvidas no momento da compra.


Talabarte Simples

Também conhecido como “I”, é o modelo mais básico. Nesta categoria, os talabartes possuem um conector para ancoragem e uma alça que se prende ao cinturão.

Eles devem ser utilizados em situações de pouco risco, pois não é possível mudar a ancoragem sem colocar o usuário em perigo.

Talabarte Duplo

Também são conhecidos como “Y”. Diferente do modelo anterior, eles possuem um ponto de conexão com o cinto de segurança e dois pontos de ancoragem, dessa forma o usuário consegue se mover em várias direções.

Por exemplo, o operador pode caminhar sobre um andaime enquanto o talabarte está preso a um lugar fixo.

É um acessório com maior versatilidade e, por isso, está se tornando mais popular.

Talabarte de Posicionamento

Esse modelo tem um funcionamento um pouco diferente dos outros dois.

É projetado para ser utilizado em trabalhos sem movimentos, como por exemplo, cortar uma árvore. O talabarte passa por trás do tronco e volta a se fixar no cinturão.

Funciona como um sistema de posicionamento e não previne quedas como os outros dois, mas ele deve ser usado em casos específicos e em conjunto com outros equipamentos de proteção.

Porque usar um talabarte

Independente de qual é a situação, a segurança e a integridade física sempre devem estar em primeiro lugar.

Um talabarte desempenha um papel essencial na proteção do usuário, pois ele oferece uma conexão segura entre dois pontos.

Em alguns esportes como a escalada, por exemplo, a altura é viciante. É importante estar seguro para curtir o momento e ter uma boa performance.

É um acessório muito importante. Abaixo selecionamos o que você deve analisar no momento da compra:

Tamanho do conector

O conector também é conhecido por “mosquetão“. São feitos em aço e funcionam como uma presilha que se fixa no cinto de segurança e no ponto de ancoragem.

Mas por que o tamanho do conector importa?

As medidas do mosquetão que se prende ao cinturão não tem tanta importância, mas quanto maior o conector do ponto de ancoragem, mais versátil. Dessa forma você consegue se conectar a diferentes pontos com um único acessório.

Antes de comprar um talabarte, avalie se o conector é compatível com o tipo de atividade que você vai desenvolver. Os tamanhos variam entre 55 e 110 mm.

Tipo de material

O tipo do material está diretamente ligado com a qualidade do talabarte, ou seja, quando falamos de segurança não podemos menosprezar isso.

Nos talabartes “i” e “y”, em geral, os materiais usados são o poliéster e a poliamida.

O poliéster é mais resistente, por isso é usado nas fitas. A poliamida, por ser mais elástica, é usada nas costuras.

Mas nos talabartes de posicionamento, os materiais usados para revestir as cordas são poliéster e borracha. O poliéster por conta da resistência e a borracha garante maior aderência às superfícies.

Absorvedor de energia

O absorvedor de energia está presente nos talabartes simples e duplos.

Em casos de queda, o efeito “chicote” pode causar grandes danos ao usuário, por isso existem os “absorvedores de energia”.

É uma fita dobrada que fica na extremidade conectada ao cinturão e a sua função é diminuir o impacto, pois em caso de acidentes ela estica.

Selo de aprovação Inmetro

O selo de aprovação do Inmetro é extremamente importante, pois ele é a garantia de que o produto foi submetido e aprovado em testes de segurança.

De todas as características que você deve analisar, essa é a mais importante, apenas dessa forma é possível comprovar a eficácia do acessório.

Fita Elástica

Os talabartes podem ter fitas comuns ou fitas elásticas.

As fitas elásticas são mais confortáveis já que ela só atinge o seu tamanho total quando esticada completamente. Normalmente elas ficam recolhidas e assim oferecem mais liberdade de movimentos.

Comprimento da fita

Antes de iniciar qualquer atividade em altura, é necessário verificar se o comprimento da fita do talabarte vai ser suficiente.

Esse é um ponto muito importante porque o comprimento da fita deve estar em conformidade com a distância que você estará do chão. Por exemplo, se você estiver a uma distância de 3 metros do chão, uma fita de 1,5 metros de comprimento não será eficiente.

Isso porque é preciso considerar a sua altura e somá-la ao comprimento da fita, e em casos de queda, ficaria muito próximo do solo. Neste caso, por exemplo, o ideal seria uma fita mais curta.

Entretanto, fitas muito curtas limitam mais os movimentos.

É importante ter muita atenção neste ponto.

Quais são os melhores talabartes?

Agora que você já sabe um pouco sobre os talabartes e como escolher entre eles, chegou a hora de conhecer os melhores modelos para garantir a sua segurança. Confira:

1. Petzl Grillon

Melhor Talabarte

Grillon - Talabarte/Longe de Posicionamento 2 Metros Petzl

  • Tipo: posicionamento
  • Tamanho: 2 metros
  • Material: ‎75% poliamida, 15% poliéster, 10% alumínio
  • Certificações: ANSI Z359.3, CSA Z259.11, CE EN 358, CE EN 12841 type C, EAC
  • Zona livre de queda: não se aplica

A Petzl é uma marca de referência internacional em itens de segurança. Ela possui inúmeras certificações nacionais e internacionais.

Este talabarte de posicionamento é muito fácil de utilizar, pois ele tem um sistema de regulação progressivo que permite ajustar com precisão as distâncias necessárias para uma atividade segura e confortável.

Todas as pontas têm costuras duplas e são protegidas por uma capa plástica, dessa forma a corda não desliza e não sofre abrasão.

Ele já conta com mosquetões duplos e cordas adicionais para fazer a troca quando necessário, dessa forma você não precisa se preocupar em comprar acessórios adicionais.

O talabarte completo pesa 770 g e vem dentro de uma bolsa protetora.

Além de todas as certificações de segurança, a marca ainda oferece 3 anos de garantia no produto.

Seu uso é indicado para esportes, como por exemplo: montanhismo, canoagem, escalada, tirolesa, alpinismo, etc.

2. Delta Plus Talabarte em Y

Melhor Talabarte Duplo com Fita Elástica

Talabarte de segurança em Y 140 cm com absorvedor de energia - Delta Plus

  • Tipo: duplo “Y”
  • Tamanho: 1,40 m
  • Material: ‎fita de poliéster
  • Certificações: NBR 14.629, 15.834 e 15.837:2010
  • Zona livre de queda: 4,90 m

Este modelo de talabarte duplo da marca Delta Plus é muito versátil.

Ele possui dois mosquetões de aço com capacidade de abertura de até 55 mm, e o conector do cinto de segurança tem capacidade de abertura de até 20 mm.

É um acessório muito seguro com diversas certificações, sendo assim é extremamente confiável se utilizado corretamente.

A zona livre de queda é de 4,90 metros, mas não se esqueça que você ainda precisa somar a altura do usuário. Ou seja, é projetado para grandes alturas.

Para garantir mais segurança, ele ainda possui um absorvedor de energia.

3. Proteloja Talabarte Y com ABS

Melhor Talabarte Duplo com Absorvedor de Energia

Talabarte Y Com ABS Absorvedor de Energia na Queda NR35 Trabalho em Altura Profissional com CA e INMETRO

  • Tipo: duplo “Y”
  • Tamanho: 1,40 m
  • Material: fita de poliéster
  • Certificações: Inmetro
  • Zona livre de queda: 5,40 m

Este talabarte possui fita de poliéster simples, não elástica. O material é 100% seguro, pois possui as certificações do Inmetro.

Os mosquetões de ancoragem possuem uma abertura de até 55 mm, já a ponta de fixação ao cinto de segurança tem uma abertura de 17 mm.

As instruções de utilização do absorvedor de energia presentes na embalagem devem ser seguidas à risca, e sobretudo, nunca romper o lacre de segurança, pois ele é quem garante a segurança no momento da queda.

A fita de poliéster simples não permite tanta mobilidade quanto as fitas elásticas, mas ainda assim é uma excelente opção.

Ele deve ser usado em altura mínima de 5,40 m.

4. Petzl Jane MGO

Melhor Talabarte para Estruturas Largas

Jane MGO - Talabarte/Longe com conectores MGO 150 cm Petzl

  • Tipo: simples “I”
  • Tamanho: 1,50 m
  • Material: ‎‎70% poliamida, 28% alumínio, 2% plástico
  • Certificações: ANSI Z359.3, CSA Z259.11, CE EN 358, CE EN 12841 type C, EAC
  • Zona livre de queda: 2 m

Os Talabartes do tipo simples são ideais para atividades de baixo risco, mas nem por isso você deve menosprezar a qualidade.

Como nós dissemos anteriormente, a Petzl é especialista na produção de artigos de segurança e possui diversas certificações importantes.

O grande diferencial deste acessório é o mosquetão com ampla abertura. Com ele é possível fixar-se a estruturas largas, pois sua capacidade é de até 150 cm.

A corda dinâmica é bastante simples e não possui regulagem. Ela tem uma capa plástica nas pontas que protege da abrasão pelo atrito.

É um excelente produto tanto em qualidade de materiais quanto em funcionalidade e duração.

Considerações finais

Como nós vimos, o talabarte é um acessório indispensável em atividades realizadas em altitudes. Ele garante a segurança do usuário em caso de acidentes.

Também explicamos o que você deve analisar e considerar no momento da compra, mas ainda assim você é necessário seguir todas as instruções dos fabricantes.

Cada empresa tem regras específicas e você deve estar atento a isso, afinal é a sua segurança que está em jogo.

Não se esqueça de que apesar de existirem talabartes muito versáteis, cada situação exige um cuidado diferente. Lembre-se de considerar a altura do usuário, pois é necessário somá-la à zona livre de queda.

Todos os produtos selecionados para este guia são de empresas idôneas e possuem todas as certificações de segurança necessárias.

No momento da escolha de itens de segurança, não considere apenas o preço. Avalie de maneira criteriosa todos os riscos envolvidos, pois acessórios de baixa qualidade colocam a segurança do usuário em risco.

Este artigo esclareceu suas dúvidas?

Se ainda ficou alguma pergunta, deixe aqui abaixo nos comentários. E continue acompanhando o conteúdo do Outside360.

Nos vemos em breve!

Sobre o Autor: Itai B

Deixe um comentário